Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

estrategiaeexcelencia

estrategiaeexcelencia

DIA DO POETA.....

Dia-do-Poeta-20-de-outubro.pngCaros leitores, apreciadores, seguidores ou simplesmente visitantes deste simples blog, não poderia deixar passar esta data em branco....afinal, como poeta que sou, é quase que um "dever" homenagear a todos aqueles que com sua sensibilidade escrevem coisas fantásticas que tanto nos emocionam.... 

O Dia do Poeta é celebrado anualmente em 20 de outubro.

Esta data celebra o profissional, que pode (e deve) ser reconhecido como um artista escritor, que usa de sua criatividade, imaginação e sensibilidade para escrever, em versos, as poesias que faz.

O principal propósito desta data é incentivar a leitura, escrita e publicação de obras poéticas nacionais.

Há séculos as pessoas se emocionam, riem e choram com essas belas produção artísticas, consideradas como uma das Sete Artes Tradicionais.

Origem do Dia do Poeta

O Dia Nacional do Poeta é comemorado a nível extraoficial, ou seja, não há uma lei que oficialize o 20 de outubro como Dia do Poeta no país.

Mas, a data foi escolhida por uma razão bastante especial para os poetas brasileiros. No dia 20 de outubro de 1976, em São Paulo, surgia o Movimento Poético Nacional, na casa do jornalista, romancista, advogado e pintor brasileiro Paulo Menotti Del Picchia.

A data homenageia e lembra este momento ímpar para os poetas do Brasil.

Curiosidades sobre o Dia da Poesia

Antigamente, a poesia era cantada e acompanhada pela lira, um instrumento musical típico da Grécia. Por isso, a poesia é classificada como pertencente ao gênero lírico da literatura.

Os poetas ainda celebram o 31 de outubro como o Dia Nacional da Poesia, oficializado através da lei 13.131, de 3 de janeiro de 2015. A escolha desta data é uma homenagem ao nascimento do poeta brasileiro Carlos Drummond de Andrade.

Antes da criação da lei que oficializa o Dia Nacional da Poesia em 31 de outubro, esta era celebrada em 14 de março, em caráter não-oficial.

A escolha desta data era uma homenagem ao poeta brasileiro do romantismo Castro Alves, que nasceu em 14 de março de 1847.

Ainda existe o Dia Mundial da Poesia, em 21 de março, que celebra a nível internacional este gênero artístico. Esta data foi criada durante a XXX Conferência Geral da UNESCO, em 16 de novembro de 1999.

(Fonte: http://www.calendarr.com)

E, depois de termos relembrado um pouquinho do "fundo histórico", nada como um poema para deixar registrado nesta data. De minha autoria, leia:

"DESCREVENDO O POETA"

Sim! Quero descrever mas…não sei como fazê-lo!

Seria displicência? Não! Pois pelo assunto tenho zelo!

Talvez seja medo! Sim, não nego tê-lo!

Pois para explicar o que é ser poeta, tendo apenas a inspiração por meta,

Deve ser feito com anelo!

Compararia o poeta a uma flor, que muitas vezes retrata o amor

Como sua principal incumbência…

Mas que também retrata a dor, tristeza e raiva se preciso for, quando em sua volta, vê negligência!

Existe o poeta sonhador, que relata com fulgor suas ternas fantasias…

Como também o devastador, que se inspira com vigor, em suas tristezas e alegrias

As vezes, é difícil entender o poeta…Nunca se sabe o que ele pensa, imagina, sente…

Mas, lendo sua mensagem direta, notamos quão amplo é seu pensamento,

Quão grande seu sentimento e a notável imaginação de sua mente!

Sim, cada um de nós tem dentro de si um poeta…

Pois não podemos prender o que sentimos

Já tentou colocar a alegria atrás das grades?

Acorrentar a tristeza em grilhões atrás de um muro?

Esconder o amor num lugar seguro?

É claro que não! Porque tais sentimentos, movem-nos para a vida…

E é aí onde entra o nosso poeta….Fazendo com que toda a emoção contida,

Desvaneça-se para fora, amenizando o que fora outrora,

Anseios e preocupações sem fim!

Por isso é que digo agora, que se não fosse o poeta que há em mim,

Seria difícil descrever na hora, a importância do poeta assim….

Portanto, não podemos esquecer, que o poeta escreve tudo o que muitos de nós

Gostaríamos de falar sem saber como…

Gostaríamos de fazer sem saber onde…

Gostaríamos de sentir sem saber porque….

Isto é o poeta! A verdadeira roda da história, que ficará para sempre na memória

De quem um dia sorriu, chorou, amou…E acima de tudo,

De quem um dia….sonhou!!    (Lula Ferreira)

Se você também escreve poesias, compartilhe aqui conosco.....vai ser interessante!